terça-feira, junho 17, 2008

A propósito...Você Sabe O que é uma Poncha?






Descobrimos o que é uma Poncha, no dia em que o Sr. Jorge de Sousa do Grupo Encontros da Eira, juntamente com sua esposa Ana, nos levaram a essa Taberna, cujas paredes são cobertas - de cima a baixo -, por inúmeros cartões de visitas. Para tanto, o próprio proprietário, já oferece uma fita adesiva, para caso se queira afixar algum... E nós quisemos... E é justamente, para os seus próprios cartões que os "meninos" e a "menina" estão apontando!



Bom, mas como perguntávamos...



Poncha...O que é mesmo?


Veja a foto ao lado, veja o que parece>>



Entre tantas coisas que poderia ser...



A Poncha é exatamente o nome da bebida que aparece nesses copos ao lado e abaixo.







Nessa taberna, na Ilha da Madeira, a bebida é confeccionada com whisky, suco de laranja e mel. Tudo misturado resulta em um sabor exótico, bem gostoso. E que é tipicamente degustado nesse lugar acompanhado por alguns amendoins a serem descascados e jogados ao chão, para compor o "tapete" de cascas do local. Interessante, não?!

4 comentários:

Victor disse...

Grande Amigão Chico Lobo
Leio sempre com afecto estes teus escritos, não só da tua estadia em Portugal, como das tuas andanças com a viola caipira. É memorável a viagem que fizémos eu, o Victor Nunes e esposas (Teresa e Lila) desde a margem sul do Tejo (Almada) para te ouvirmos na companhia do Pedro Mestre e dos mestres naquela noite em Castro Verde ("...fomos à feira de Castro..." como diz a canção).
Também eu, lá pelos anos 80 do século passado bebi ponchas em peregrinação. Aqui te deixo um texto escrito nessa época:"

"O roteiro gastronómico não poderia ser ignorado nesta deliciosa viagem. E falando em gastronomia logo nos ocorre as tradicionais espetadas que só em “seu sítio” têm o verdadeiro paladar. Subimos à Portela, a mais de 600 metros acima do nível do mar, para aí na “Casa da Portela” nos deliciarmos com uma espetada preparada mesmo ali à vista de todos nós. Claro, antecedendo como aperitivo tomámos uma poncha, bebida aperitivo/digestivo característica da Madeira e que muito irá ser falada nestes apontamentos.

Percorrendo as estradas de montanha, sempre acima dos 800 metros de altitude, e caminhando pelo Santo da Serra, Poiso (1410m), Ribeiro Frio, Camacha e descendo novamente até Santa Cruz, com passagem pela “Varanda”, seguimos a “Rota da Poncha”. O Freitas, nosso inseparável companheiro, lá nos levou aos locais onde melhor poncha se bebe.

A poncha pode ser bebida fria ou morna, é um excelente “calorífero” para compensar o frio que se sente no alto da serra. A melhor de todas é a que é preparada na altura, como se diz “ao momento”, de acordo com uma fórmula e um processo cuja origem se perde na bruma da montanha.

Receita da poncha: Mistura-se uma parte de sumo de limão com outro tanto de mel puro de abelhas. Utiliza-se um utensílio apropriado feito em madeira para conseguir a perfeita ligação dos dois ingredientes. Após o que se junta aguardente de cana em quantidade igual à da mistura antes obtida. Mais um ligeiro toque na mistura e a Poncha está pronta a servir."

Um abração de amizade.

des-encantos disse...

Oi Amigo Chico Lobo este blog está um espesctaculo de informação e imagem.
a Mdeira e 'osencontros da Eira ' merecem.
depois daquele encontro (real) em Castro, e do adiado no Sabor Mineiro, cá nos veremos no prox. ano em Agosto...ao que ouvi dizer.
Um abração

des-encantos disse...

...ui que esqueci nome no comm. anterior.
Victor Nunes + Lila

Marcos França disse...

Parabéns pelo trabalho!
Primeiramente queria reverenciar este Blog. Muito bom. Sou editor e responsável pelo blog Cultura Nordestina: http://culturanordestina.blogspot.com/, nele divulgo os diversos ramos de nossa cultura popular nordestina e brasileira. Gostaria de saber se é possível adicionar meu blog em sua seção de links. De antemão já agradeço a atenção. Aguardo retorno. Obrigado.