segunda-feira, junho 04, 2007

Na Volta de Almodôvar: Castro Verde. E em Beja um Encontro Muito Especial

Pedro Mestre nos levou para conhecer sua lutheria (oficina de construção) de violas campaniças na cidade de Castro Verde. E depois nos presenteou, igualmente, com um encontro muito especial, que nos encheu o coração e a alma de alegria. Nos levou, na volta de Almodôvar (e Castro Verde), para visitar e conhecer na cidade de Beja, o seu grande mestre, Sr. Manoel Bento. Com quem tivemos uma conversa muito agradável. Durante a qual fomos agraciados por poder ouví-lo tocar, contar um pouco de sua vida e do orgulho, alegria e esperança que tem em relação ao seu ex aluno Pedro Mestre - o único que sabe, além dele, a tocar o seu "despique". Ele deseja que Pedro possa conseguir transmitir a arte da viola campaniça a outros que desejarem (assim como ele o quis), pois a mesma estaria em extinção se o Pedro não tivesse se interessado em aprender (ainda há tempo), o modo como se toca na tradição, sobre as artes desse instrumento, ancestral da viola caipira - nos explicou Sr. Bento sabiamente.

Um comentário:

celina piedade disse...

Que belo encontro!...
E fotos do nosso?
Um beijo